A no­va on­da nos res­tau­ran­tes eu­ro­peus: Bis­tro­nomy

A TV

O mo­ti­vo des­te es­pa­ço ser re­ser­va­do pa­ra di­vul­gar­mos, com maio­res de­ta­lhes, as re­por­ta­gens so­bre res­tau­ran­tes e ba­res que vei­cu­la­mos aos sá­ba­dos no Pro­gra­ma SA­BOR & SA­BER, na TV TRO­PI­CAL (RE­CORD), às 11:20h, é que es­te pro­gra­ma lo­cal de TV foi afe­ri­do re­cen­te­men­te por ins­ti­tu­to de pes­qui­sa co­mo o de ­maior au­diên­cia no Es­ta­do. To­da­via, co­mo ho­je na TV di­vul­ga­mos uma en­tre­vis­ta, na se­ção de Re­por­ta­gens de Res­tau­ran­tes, com a ­Prof. ELEO­NO­RA, do Cur­so de Gas­tro­no­mia da UNP, so­bre o 5º Fes­ti­val Gas­tro­nô­mi­co de Mar­tins, que se ini­cia­rá no dia 16/07, quar­ta-fei­ra, re­sol­ve­mos es­cre­ver so­bre um te­ma li­ga­do a gas­tro­no­mia que es­tá em mo­da na Eu­ro­pa: “Bis­tro­nomy”.

COMO SURGIU – CONCEITO
Bis­tro­nomy, em in­glês, é o con­cei­to que em­ba­la al­ta gas­tro­no­mia a pre­ços bas­tan­te aces­sí­veis. A bis­tro­no­mia cres­ceu tam­bém a par­tir de uma du­pla com­bi­na­ção: a que­da do po­der de con­su­mo dos eu­ro­peus na úl­ti­ma dé­ca­da e a am­bi­ção de jo­vens ­chefs. Na ver­da­de, po­pu­la­ri­zou-se jus­ta­men­te por pes­soas que es­ta­vam ­mais preo­cu­pa­das em co­mer bem, sem gas­tar uma for­tu­na em res­tau­ran­tes “es­tre­la­dos” pe­lo fa­mo­so ­Guia Mi­che­lin, diz o jor­nal es­pa­nhol El ­País. É ten­dên­cia que gras­sa na Es­pa­nha e na Fran­ça.


PRECURSSORES
O pre­cur­sor des­sa on­da é o fran­cês ­Yves Cam­de­bor­de, que, de­pois de tra­ba­lhar com Chris­tian Cons­tant no Les Am­bas­sa­deurs, res­tau­ran­te pa­ri­sien­se com ­duas es­tre­las no ­Guia Mi­che­lin, al­çou vôo pró­prio lon­ge da pres­são e da con­cor­rên­cia da tra­di­cio­nal nou­vel­le cui­si­ne. Sem re­cur­sos pa­ra ­abrir um res­tau­ran­te de al­to pa­drão, ele di­fun­diu uma no­va for­ma de ser­vir boa co­mi­da. ­Abriu o La Ré­ga­la­de, bis­trô com me­nus a € 32 eu­ros, sem o vi­nho, por pes­soa. Cam­de­bor­de ­abriu o Le Comp­toir. É tri­bo que não pá­ra de cres­cer. O es­pa­nhol Iña­ki Aiz­pi­tar­te ­abriu o Le Cha­teu­briand, “um dos lí­de­res dos neo­bis­trôs”, de­fi­ne a re­vis­ta Tra­vel+Lei­su­re. O bis­trô Mar­ket, é to­do mo­der­no­so. Ba­ca­na, ­clean, tam­bém se tra­duz em ex­ce­len­te di­ca.

O VERDADEIRO PULO DO GATO
Na ver­da­de, o pu­lo ga­to foi jus­ta­men­te a ati­tu­de de um dos ­mais re­no­ma­dos ­chefs de Pa­ris, o fa­mo­so ­Alain Sen­de­rens. Aos 65 ­anos, 28 de­les co­mo ­chef ­três es­tre­las do ­Guia Mi­che­lin, o ­chef  Sen­de­rens po­de­ria ter di­to ­adieu ao ce­ná­rio gas­tro­nô­mi­co de Pa­ris. Em vez dis­so, fe­chou li­te­ral­men­te seu pres­ti­gio­so e fa­mo­so res­tau­ran­te art nou­veau Lu­cas Car­ton, cha­man­do a im­pren­sa e “ras­gan­do” um ­guia Mi­che­lin na por­ta da fren­te do res­tau­ran­te, rea­brin­do me­ses de­pois co­mo uma bras­se­rie de lu­xo, com o seu no­me SEN­DE­RENS. Com tal ges­to, ga­nhou ain­da ­mais fa­ma e seu res­tau­ran­te vi­ve lo­ta­do, com pre­ços me­no­res, em mé­dia, 60% ­mais ba­ra­tos do que o an­te­rior, com a mes­ma qua­li­da­de.

­Quem for a Pa­ris, não es­que­ça de fa­zer re­ser­va com an­te­ce­dên­cia (até pe­la in­ter­net), ­pois é im­per­dí­vel. Sen­de­rens não é o úni­co ­chef com es­tre­la no Mi­che­lin a en­fren­tar uma cri­se de ­meia-ida­de: o ma­nía­co-de­pres­si­vo Ber­nard Loi­seau sui­ci­dou-se em vez de en­fren­tar a per­da de uma es­tre­la no ­guia e, o fa­mo­so ­Joël Ro­bu­chon – es­te, um dos maio­res ­chefs de to­dos os tem­pos, sem tan­to dra­ma, apo­sen­tou-se pre­co­ce­men­te aos 51 ­anos an­tes de rea­pa­re­cer à fren­te de uma re­de de res­tau­ran­tes de Las Ve­gas a Tó­quio, pas­san­do por pa­ris, cha­ma­do de Ate­lier ­Joel Ro­bu­chon, on­de co­me-se pra­tos ma­ra­vi­lho­sos sen­ta­dos em ban­cos al­tos, co­mo se es­ti­ves­se num ame­ri­can bar. Em Pa­ris, fi­ca no Bair­ro de ­Saint Ger­main. Lei­to­res da nos­sa co­lu­na, fo­ram a al­guns des­ses lu­ga­res e acha­ram ma­ra­vi­lho­sos, ­pois co­me­ram di­vi­na­men­te bem e a pre­ços bas­tan­te ra­zoá­veis pa­ra Pa­ris.

Anúncios

Tags:


%d blogueiros gostam disto: